Procuradoria Geral Município
Teresina, 24 de Outubro de 2017

Notícia Ver todas

PGM acompanha posse de Astrogildo Mendes no TRE-PI

10/10/2017 - 14h00
PGM acompanha posse de Astrogildo Mendes no TRE-PI

Nesta terça-feira (10), o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) empossou o advogado Astrogildo Mendes de Assunção Filho para o cargo de juiz titular, na classe dos juristas. A Procuradora-Geral do Município, Geórgia Nunes, acompanhou a solenidade representando o prefeito de Teresina, Firmino Filho.


O novo juiz titular já atuava no Tribunal como substituto, desde 2015,e assume, agora, a vaga deixada pelo também jurista Agrimar Rodrigues de Araújo. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU), no dia 18 de agosto. A escolha pelo Presidente da República se deu após votação de uma lista tríplice do Tribunal de Justiça do Piauí encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


Astrogildo graduou-se em Direito pela Universidade Estadual do Piauí. É especialista nas áreas de Direito Constitucional, Administrativo, Civil, Processo Civil e Tributário. Em seu discurso de posse, destacou a experiência de 15 anos de advocacia na área eleitoral e de sua atuação como juiz substituto da Corte, reforçando o compromisso com a missão perante a Justiça Eleitoral.


“Sou muito grato por este voto de confiança. Vivemos uma grande mudança em nosso país, onde as instituições estão cada vez mais presentes, e a Justiça Eleitoral do nosso Estado sempre se portou de forma presente e atuante. Tive a oportunidade de acompanhar de perto a missão deste egrégio Tribunal. Vim para esta Corte como um simples curioso do Direito, onde tentarei passar experiência e buscar a igualdade entre os candidatos. Espero contribuir para resguardar a legitima manifestação. Agradeço a todos por acreditarem em mim”, comenta.


A Procuradora-Geral do Município, Geórgia Nunes, considera importante a posse do jurista como titular, continuando o trabalho que já vinha realizando como substituto. “O conhecimento acumulado pelo Dr. Astrogildo na Advocacia Eleitoral, somada à experiência como juiz substituto da Corte, serão muito relevantes para o exercício dessa importante missão, especialmente no próximo ano em que teremos eleições gerais e o Tribunal Regional coordenará o pleito no Estado, sendo bastante demandado. Desejamos ao jurista agora empossado um mandato profícuo, confiantes em sua competência e compromisso com a Justiça Eleitoral e com a cidadania”, finaliza.